Pesquise neste Blog

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Mito 3: TODAS AS PESSOAS BOAS VÃO PARA O CÉU

Qual é a origem do mito? No início do segundo século EC, depois que os apóstolos de Jesus tinham morrido, os primeiros Pais da Igreja ganharam destaque. Descrevendo seus ensinos, a New Catholic Encyclopedia (Nova Enciclopédia Católica, 2003), volume 6, página 687, diz: “Em geral, ensinava-se que a felicidade no céu seria concedida à alma assim que ela saísse do corpo depois da morte e passasse por qualquer purificação necessária.”
O que a Bíblia diz? “Felizes os de temperamento brando, porque herdarão a terra.” — Mateus 5:5.
Embora Jesus tenha prometido a seus discípulos que ia “preparar um lugar” para eles no céu, ele indicou que os justos não iriam automaticamente para lá. (João 3:13; 14:2, 3) Não é verdade que ele orou para que a vontade de Deus fosse feita “como no céu, assim também na terra”? (Mateus 6:9, 10) De fato, há duas possíveis recompensas para os justos. Uma minoria governará no céu com Cristo, mas a maioria viverá para sempre na Terra. — Revelação (Apocalipse) 5:10.
Com o tempo, a igreja primitiva mudou o modo de encarar seu papel na Terra. Com que resultado? “A igreja institucional substituiu incrementadamente o esperado Reino de Deus”, diz The New Encyclopædia Britannica. A igreja começou a fortalecer seu poder ao se envolver na política, ignorando as palavras bem claras de Jesus quando disse que seus seguidores ‘não faziam parte do mundo’. (João 15:19; 17:14-16; 18:36) Sob a influência do imperador romano Constantino, a igreja deixou de se apegar a algumas de suas crenças, uma delas envolvendo a própria natureza de Deus.
Veja estes versículos bíblicos: Salmo 37:10, 11, 29; João 17:3; 2 Timóteo 2:11, 12

Fonte: Watchtower.org            -                         Postado por ByCappa

Nenhum comentário: