Pesquise neste Blog

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Enquanto o Papa desfila pelo Brasil, á Bulgária entre em embulição.

Bulgária está a “ferro e fogo” há 40 dias

Há 40 dias consecutivos que a capital búlgara, Sófia, é palco de manifestações contra o atual Executivo (que tomou posse há mais de um mês) que foi sufragado nas eleições antecipadas de Maio. Esta terça-feira, 23 Julho, milhares de pessoas voltaram às ruas em protesto contra o Governo de Plamen Orecharski, tendo bloqueado o acesso ao Parlamento búlgaro.
Durante cerca de oito horas, os manifestantes impediram a saída do Parlamento, numa altura em que estavam no interior do edifício cerca de cem pessoas, entre políticos, jornalistas, representantes sindicais e do patronato e funcionários da Assembleia Nacional. Os protestos ficaram marcados por confrontos entre a polícia e manifestantes, que terminaram com a detenção de duas pessoas e mais de uma dezena de feridos.
Recorde-se que em Fevereiro, o Executivo liderado por Boiko Borisov renunciou, em sequência dos intensos protestos contra o aumento das tarifas de eletricidade e medidas de austeridade.

"Papa só mais um homem (Pecador) perdido em meio aos problemas que varrem o Mundo"

ByLorenzo


Nenhum comentário: