Pesquise neste Blog

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Entidades protestam na rua contra Testemunhas de Jeová

Entidades protestam na rua contra Testemunhas de Jeová

 


Ação suspensa contra Testemunhas de Jeová Entidades Protestam – Campanha Volta as Ruas!

As entidades que compõem o Fórum Cearense da Diversidade Religiosa, mais uma vez, retomam a campanha em favor dos direitos constitucionais e da tolerância religiosa. Dia 16 de Setembro, quinta-feira, houve uma manifestação em frente ao Tribunal de Justiça do Ceará para reafirmar que as entidades não desistirão de lutar contra a discriminação religiosa pela qual ex-membros da Igreja das Testemunhas de Jeová sofrem. Durante os discursos de seus representantes, foi dito que os magistrados deveriam reavaliar melhor a decisão que suspendeu a ação contra os pastores, haja visto que o processo tinha sido construído à luz de um Inquérito Policial, pelo Ministério Público, e por fim, a denúncia ter sido acatada pelo Juiz da 6ª Vara Criminal. Tivemos o privilégio de ter conosco naquela manifestação um casal dissidente de São Paulo que vieram a Fortaleza para conhecer de perto o nosso movimento contra a discriminação religiosa em pauta.
Após a primeira divulgação da denúncia através de outdoors, feita no mês de Agosto, o caso ganhou maior visibilidade no seio da sociedade, e, por sua vez, se ampliou o debate, inclusive entre sindicalistas, pelo medo de verem no futuro mais trabalhadores sendo perseguidos pelo chamado assédio moral. Não foi por mero acaso que os advogados do Escritório Frei Tito de Alencar, vinculados a Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa do Estado do Ceará, disseram que a extinção da ação resulta em um risco para as entidades da sociedade civil. Observem:
“Desta forma, o Escritório se põe a disposição para quaisquer esclarecimentos sobre o caso, manifestando-se no intuito de que a Justiça Cearense repare o equívoco causado, para que as entidades da sociedade civil se resguardem das ilegalidades cometidas no interior das Associações Religiosas e o Estado Brasileiro garanta a todos, além da liberdade de culto, possibilidades igualitárias de conviver e se relacionar socialmente.”
Diante do posicionamento dos advogados, que estão preparando uma petição no sentido de recorrer da decisão do Tribunal de Justiça, o Fórum Cearense da Diversidade Religiosa, através de seus participantes, decididamente resolveram mais uma vez tornar público o caso por meio de outdoors, para informar à sociedade que a discriminação religiosa continua sendo aplicada contra as liberdades individuais das pessoas.

Dois outdoors foram instalados em áreas nobres de Fortaleza no dia 17/09/210, um deles na Av. Santos Dumont. Por incrível que pareça, existe iluminação espetacular no local, e mais, há refletores acima do outdoor, sem contar o mesmo está nas proximidades de um semáforo. Outro outdoor foi instalado na saída do Centro Administrativo do Governo do Estado – CAMBEBA – onde se localiza também o Tribunal de Justiça. Outros outdoors também estão sendo instalados em pontos estratégicos da cidade.
Entidades que apóiam o movimento: Fórum das Ex-Testemunhas de Jeová; Fórum Cearense da Diversidade Religiosa; DCE – Diretório Central dos Estudantes da UFC; Associação Afro Brasileira de Cultura – ALABGA; UNEGRO – União de Negros pela Igualdade; Afoxé Acabaca; Secretaria Nacional Movimento Negro – PDT; FENEECE: Fórum Estadual de Entidades Negras do Ceará, dentre outras.
________________________________________________________________
Fonte: http://saojoaquimonline.com.br/?p=18254  -Postado por By Cappa

Nenhum comentário: